Temas ligados ao trânsito e redução de acidentalidade são debatidos no Congresso da Abramet

602

 

Mais de 1,3 mil pessoas participam do 11º Congresso Brasileiro sobre Acidentes e Medicina de Tráfego, promovido pela Associação Brasileira de Medicina de Tráfego (Abramet) no Wish Serrano Resort, em Gramado.

Nesta sexta-feira (11), os senadores Ana Amélia Lemos (PP/RS) e Lasier Martins (PDT/RS) participaram do painel “Álcool e Acidentes de Trânsito – O Brasil tem solução?” que teve como moderador o presidente do congresso, Juarez Molinari que destacou a necessidade de mais respeito e de cumprimento das leis de trânsito no Brasil.

Em sua fala, a senadora Ana Amélia destacou que o País possui uma das mais completas legislações de trânsito, porém salientou que há falta de respeito por parte de muitos condutores que cruzam o sinal vermelho, excedem o limite de velocidade e realizam ultrapassagens proibidas.

O senador Lasier Martins falou que, “existe solução para o Brasil, basta ver exemplos de vários países que tiveram sucesso na redução de mortes no trânsito”. Ele também enumerou algumas ideias que poderiam ser adotadas: maior rigor para obtenção de carteira de habilitação (principalmente para motociclistas), exame de alcoolemia para condutores, maior tempo de suspensão do direito de dirigir para quem for pego alcoolizado e discutir legislativamente a questão do dolo eventual para as mortes no trânsito.

O Brasil está entre os 50 países no mundo onde mais se morre no trânsito, segundo dados divulgados pelo seguro obrigatório DPVAT. Conforme a pesquisa, mais de 50 mil pessoas morrem todos os anos em acidentes no país, são 136 mortes por dia ou cinco por hora.

No primeiro painel da tarde de sexta-feira, Dr. Ricardo Irajá Hegele – Diretor Científico da Abramet-RS, Dr. Dirceu Rodrigues Alves Júnior – Diretor de Comunicação da Abramet, Eduardo Biavati – Sociólogo- Especialista em Trânsito, Diza Gonzaga – Fundação Thiago de Moraes Gonzaga -Vida Urgente, Deputada Federal Christiane Yared (PR) e Edson Cunha – Presidente do SindiCFC debateram sobre o tema “Acidentalidade no Trânsito – Educação, Formação e Mudança Cultural”.

Na mesa redonda, Dr. Antônio Jorge Salomão – Secretário Geral da Associação Médica Brasileira (AMB) e os diretores de Atendimento pré-hospitalar da Abramet, Dr. Carlos Alberto Guglielmi Eid  e Dr. Guilherme Durães Rabelo debateram sobre as diretrizes atuais da American Heart Association para Ressuscitação Cardiopulmonar no Atendimento Pré-Hospitalar.

A “Mastectomia e Adaptações Veiculares: perícia médica x isenção de impostos” foi o tema da mesa redonda que contou com a participação da Dra. Maira Caleffi, presidente do Instituto da Mama (Imama) e Dr. Vinícius Neves Braga – mastologista e o diretor da Associação Mineira de Medicina do Tráfego (AMMETRA).

Dra. Maira destacou que apesar do Brasil perder cerca de trinta mulheres por dia, em decorrência do câncer de mama, o tema parece não receber a seriedade que merece. Nem mesmo as mulheres diagnosticadas com a doença sabem que possuem alguns direitos, criados com a finalidade de facilitar um pouco mais suas vidas, nesse período tão difícil. Aliás, quando sabem dos seus direitos, ainda enfrentam dificuldades em acessar a Justiça, que é cara e morosa, e disponibiliza um número reduzido de Defensores Públicos para auxiliá-las.

As pacientes com câncer também são isentas do imposto de renda sobre os seus proventos, mesmo que a doença tenha sido adquirida após a aposentadoria. Também podem requerer prioridade no andamento dos processos judiciais administrativos e no pagamento de precatórios. Além disso, a trabalhadora pode sacar o seu FGTS, assim como o PIS/PASEP se ela ou um de seus dependentes for acometido de câncer. Ainda pode fazer uso do auxílio-doença se ficar incapacitada para o trabalho por mais de 15 dias consecutivos, a critério da perícia médica da Previdência Social, e até pode se aposentar por invalidez.

“Álcool e direção veicular: binômio que deve ser reprimido. As experiências do Brasil e do mundo” foi o assunto abordado pelo Dr. Fabio Ford Feris Racy- Diretor da Abramet e Dr. Flávio Pechansky – Psiquiatra pesquisador (UFRGS) e a professora Maria Helena Prado de Mello Jorge do Departamento de Epidemiologia e Es Mesa Redonda

“Ações concretas para o combate à impunidade e à violência do trânsito” com o Dr. Alberto Angerami – Diretor do Departamento Nacional de Trânsito (Denatran), os deputados federais Nelson Marchezan Júnior (RS) e Christiane Yared (PR), Dr. Sebastião Marinho – Diretor do Detran (PE) e Marcos Elias Traad da Silva – Presidente da AND e Diretor do Detran (PR).

Encerrando as atividades as campanhas destinadas à conscientização da população quanto à prevenção dos acidentes de trânsito foram apresentadas pela Dra. Lucila Bizari Fernandes do Prado – Coordenadora da Residência Médica de Medicina de Tráfego da UNIFESP e pelo professor Dorinho Bastos, docente do Departamento de Estatística da Abramet.

 

 

HOMENAGEM

A Associação Brasileira de Medicina de Tráfego (Abramet) do Rio Grande do Sul instituiu neste ano, o Prêmio Laçador que tem por objetivo reconhecer e valorizar as entidades e personalidades que se destacam em prol da segurança no trânsito, valorização da vida e que contribuíram de maneira efetiva para engrandecimento e qualificação da Medicina de Tráfego no RS e no Brasil.

Os homenageados em jantar a ser realizado na noite de sexta-feira (11), na Churrascaria Garfo e Bombacha, em Canela, foram:

ENTIDADES

A Associação Médica Brasileira (AMB), representada pelo Presidente Dr. Florentino Cardoso.

A Associação Médica do RS (AMRIGS) – representada pelo Presidente Dr. Alfredo Floro Cantalice Neto.

Conselho Regional de Medicina do RS (Cremers) – representado pelo Presidente Dr. Rogério Wolf de Aguiar.

A Câmara de Vereadores de Gramado – representada pelo Presidente Vereador Jaime Schaumlöffel.

A Assembleia Legislativa do RS – representada pelo Presidente Dep. Estadual Edson Brum.

PERSONALIDADES:

Dr. Pedro Westphalen Correa – Médico e Secretário dos Transportes do RS

Dr. Jefferson Pedro Piva – Coordenador das câmaras técnicas do Cremers

Dr. Albino Júlio Sciesleski – Fundador da Abramet

Dr. Flávio Emir Adura – ex-presidente e atual Diretor Científico da Abramet

Dr. José Heverardo da Costa Montal – Presidente da Abramet