Sergas apresenta à Agrese relatório e plano de investimentos

21

A Sergipe Gás (Sergas) apresentou na quinta-feira, 4/2, à Agência Reguladora de Serviços Públicos do Estado de Sergipe (Agrese), o relatório dos investimentos realizados em 2020 e o plano de investimento para o período de 2021 a 2025.

Os investimentos realizados em 2020 totalizaram R$ 5 milhões e foram direcionados principalmente ao atendimento dos segmentos residencial e comercial, mas contemplaram também melhorias da rede de distribuição e na área administrativa da empresa. Os investimentos realizados visam dar suporte à operação da Sergas e aproveitando o ensejo, também foram apresentados os planos de investimento para o período 2021-2025.

Para o ano 2021 estão previstos mais de R$ 12 milhões que, entre outras melhorias, permitirá a ampliação da malha de dutos, que atualmente consta com 250 quilômetros de extensão, possibilitando a prestação do serviço de distribuição de gás em alguns municípios sergipanos que ainda não contam com esse serviço. No acumulado para o período de 2021 a 2025, estão previstos um aumento médio de extensão na rede de 10 quilômetros por ano.

Ao todo, o plano apresentado pela Sergas na sede da Agrese refletirá para os próximos 5 anos investimentos na ordem de aproximadamente R$ 70 milhões.

Para o Diretor Presidente da Agrese, Luiz Hamilton Santana de Oliveira, os investimentos da Sergas são positivos para todo o Estado de Sergipe. “Sergipe tem avançado bastante na regulação do gás, se destacando em todo o País e o plano de investimentos apresentado pela Sergas atende ao contrato de concessão em vigor,” finalizou o Diretor Presidente da Agrese, Luiz Hamilton Santana de Oliveira.

CONCESSÃO

A estruturação do setor de gás canalizado no Estado de Sergipe iniciou-se com a criação da então Empresa Sergipana de Gás S.A. (EMSERGÁS), que teve a sua denominação social alterada para Sergipe Energias Renováveis e Gás S.A. Sergas, pela Lei 5.578, de 25 de fevereiro de 2005, detentora da exclusividade do contrato de concessão dos serviços de distribuição de gás canalizado por 50 anos a partir da assinatura do contrato, que ocorreu em 27 de dezembro de 1993.

A Sergas é uma Companhia de direito privado, sociedade de economia mista, vinculada à Secretaria de Estado do Desenvolvimento Econômico e da Ciência e Tecnologia. A entidade foi criada no ano de 1993, com as atribuições de adquirir, armazenar, transportar, distribuir, comercializar e prestar serviços correlatos na área de energias renováveis e gás.

Participaram da apresentação o Diretor Presidente da Sergas, Valmor Barbosa, o Diretor Presidente da Agrese, Luiz Hamilton Santana de Oliveira, a Diretora Técnica da Agrese, Regina Luana Santos de França do Rosário, o Procurador, Christiano Lebre, o Diretor da Câmara Técnica de Gás Canalizado, Douglas Costa Santos, além dos representantes da Sergas, Gustavo Lima Cruz, Maurício Cajazeira, Lauro Perdiz e Osvaldo Santana.