Paula Campos é a nova diretora presidente da Arsesp

73

Paula Campos, diretora de Regulação Técnica e Fiscalização dos Serviços de Gás Canalizado, assumiu, na última quarta-feira, 9/12, a Presidência da Arsesp (Agência Reguladora de Serviços Públicos do Estado de SP), função que desde junho de 2017 vinha sendo exercida por Helio Luiz Castro, diretor de Regulação Técnica e Fiscalização dos Serviços de Saneamento Básico. Paula é vice-presidente da ABAR (Associação Brasileira de Agências de Regulação) para a região Sudeste e coordenadora da Câmara Técnica de Petróleo e Gás (CTGás) da entidade.

Segundo Paula, assumir a presidência da Arsesp é um grande desafio: “Em primeiro lugar quero parabenizar a gestão do Dr. Helio Castro, que fez um excelente trabalho à frente da presidência e diretoria de saneamento básico da Arsesp. Assumir a presidência é, sem dúvida, uma enorme responsabilidade. Gerir uma instituição pública, com o nome forte que a Arsesp tem no ambiente regulatório, requer transparência e determinação para as tomadas de decisão, mas com o excelente quadro de funcionários da Agência acredito que estarei amparada para este novo desafio”.

A nova diretora presidente da Agência tem vasta experiência no setor de energia. É formada em Engenharia Elétrica pela Universidade do Estado do Rio de Janeiro e pós-graduada pela mesma UERJ em Análise de Sistemas, no Instituto de Matemática.  Atualmente cursa a faculdade de Direito na Universidade Paulista.

Paula Campos trabalhou como gerente de várias áreas na Consultoria Andrade&Canellas, como executiva master de contratos na Comgás, como coordenadora de energia na Abrace (Associação Brasileira dos Grandes Consumidores de Energia e Gás Natural), como diretora técnica e regulatória na Anace (Associação Nacional dos Consumidores de Energia), como gerente de energia e gás natural América do Sul na Air Liquide – indústria química de gases do ar, como Head de Serviços na Safira Gestão e CEO na Infinity Energias – comercializadora de energia.

Helio Castro desliga-se da presidência e, em breve, concluirá o mandato como diretor de saneamento básico da Arsesp. Ele deixa um grande legado em sua passagem pela Agência, com realizações de suma importância, entre elas, a mudança para a nova sede e a consolidação de políticas de recursos humanos.