CTTrans abre 3a. rodada com debate sobre transporte ferroviário de cargas

5

A Câmara Técnica de Transportes e Logística (CTTrans) inaugurou na terça-feira (21/9) a terceira rodada do ano de reuniões ordinárias de CTs da ABAR (Associação Brasileira de Agências de Regulação), que segue até a próxima sexta-feira (24/9). O tema escolhido para o debate foi o transporte ferroviário de cargas. A palestra sobre “Previsão de produção de transporte ferroviário: uma aplicação do modelo de componentes não observáveis” ficou a cargo de Thiago de Oliveira Victorino, coordenador de Acompanhamento de Mercado da Superintendência de Transporte Ferroviário da ANTT (Agência Nacional de Transportes Terrestres).

“Temos nos esforçado para trazer pelo menos uma palestra a cada ciclo de reuniões, porque é importante que o tema de transportes e logística esteja na pauta das discussões técnicas da ABAR”, comentou Cristiano Della Giustina (ANTT), secretário executivo da CTTrans, que moderou o debate na impossibilidade de participação do coordenador da Câmara, Luiz Afonso Senna (Agergs).

“Juntamente com o professor Senna e o subsecretário executivo, Thertison Oliveira, temos buscado temas relevantes e diversificados para trazer aos associados. Em reuniões anteriores, debatemos rodovias, gestão e governança regulatória, e desta vez trouxemos um tema bastante técnico aplicado no transporte ferroviário de cargas.”

Cristiano avaliou a reunião como bastante proveitosa. “Tivemos uma participação média de 20 pessoas, todas muito interessadas no tema. Ficamos extremamente  contentes com o resultado”, disse. “Entendemos que era importante trazer um tema que, mesmo não sendo do dia a dia dos associados, deve ser apresentado porque está sempre habitando nossa regulação do transporte terrestre.”

FRANCO, UM ENTUSIASTA DA CTTRANS

Na abertura da reunião, o presidente da ABAR, Fernando Franco, destacou a importância da CTTrans no fortalecimento da regulação do setor, especialmente no contexto da crise que afeta o transporte público. “Temos vários governos implementando políticas de ajuda ao transporte público, que chegou em um momento muito crítico de sustentabilidade”, observou.

Franco elogiou o trabalho que vem sendo desenvolvido pela coordenação da Câmara. “Sempre fui um entusiasta da CTTrans. Foi um desafio, quando assumi a ABAR, implementar esta câmara com o mesmo nível técnico das demais, para dar ao segmento um espaço que não tínhamos antes no debate sobre a regulação.”

O presidente da ABAR sugeriu que a Câmara estenda cada vez mais os debates aos Estados e Municípios, de forma que a expertise da ANTT possa contribuir para a atuação de reguladores estaduais, municipais e intermunicipais. “Esta troca de conhecimento é muito importante para a regulação”, disse.

ARSP É ANFITRIÃ DA RODADA

Esta rodada de reuniões tem como agência anfitriã a Arsp (Agência de Regulação dos Serviços Públicos do Estado do Espírito Santo), que foi representada no encontro pela presidente Joana Magella. “Para a Arsp é uma honra e um privilégio ser a anfitriã. Esta troca de experiências e de conhecimento é fundamental para o crescimento da regulação e do Brasil como um todo. Sou muito fã das CTs, elas têm um papel importantíssimo na busca das boas práticas regulatórias”, comentou.

Joana falou rapidamente sobre o trabalho da Arsp, uma agência multidisciplinar: “Regulamos serviços concedidos de infraestrutura viária, serviços de água e esgoto, distribuição de gás natural canalizado e, recentemente, em 2020, nossa competência foi ampliada para também regularmos os serviços de mobilidade urbana. Na área de energia elétrica, realizamos estudos técnicos para subsidiar o poder público em suas políticas públicas na área energética”.

O ciclo de reuniões das Câmaras Técnicas segue até sexta-feira (24), e contará com a instalação da inédita Câmara Técnica de Energia Elétrica (CTEnergia) na manhã do último dia, com a presença do diretor geral da Aneel, André Pepitone da Nóbrega, e do presidente Fernando Franco.

Assista à íntegra da reunião da CTTrans

Saiba mais sobre a rodada e inscreva-se aqui