Convênio garante 2 milhões para ações conservacionistas no Descoberto

195

No apagar das luzes de 2021, mais uma boa notícia para o Distrito Federal. A Agência Reguladora de Águas, Energia e Saneamento Básico do DF (Adasa) e a Secretaria de Agricultura, Abastecimento e Desenvolvimento Rural (Seagri-DF) firmaram convênio com o Ministério do Desenvolvimento Regional (MDR) para promover ações de conservação de água e solo na bacia hidrográfica do rio Descoberto, com investimentos de 2 milhões para a região. O convênio, que prevê ações de revitalização ambiental, terá vigência de três anos.

Segundo o diretor-presidente da Adasa, Raimundo Ribeiro, “o convênio assinado pelos três órgãos demonstra a importância e necessidade de ações integradas entre os diversos governos, independentemente das esferas de competência.”

Barragem do rio Descoberto – Foto: ADASA