Câmara Técnica de Energia debate hidrogênio verde em 2ª reunião anual

232

O presidente da ABAR (Associação Brasileira de Agências de Regulação), Vinícius Benevides, abriu na segunda-feira (27) a segunda semana de reuniões das Câmaras Técnicas da entidade em 2022, inaugurada pela CT de Energia Elétrica, que contou com mais de 100 participantes online. O tema abordado do encontro, que teve a presença do diretor da Aneel Hélvio Guerra, foi o hidrogênio verde.

Benevides iniciou a reunião destacando o trabalho da Aneel com energias renováveis. “Temos uma matriz elétrica fantástica, com praticamente 85% de energia renovável. Na matriz energética como um todo, são quase 50% de fontes renováveis, enquanto a média mundial está em torno de 14%”, observou. “Temos muito o que nos orgulhar do trabalho da Aneel.”

Hélvio Guerra, diretor da Aneel, ressaltou na abertura a importância do evento no contexto atual de transição energética. “Energias renováveis são algo que o Brasil sempre soube explorar muito bem”, comentou. “Somos pioneiros em transição energética, pelo menos na matriz elétrica.” Guerra também reafirmou o compromisso da Aneel com o aperfeiçoamento do arcabouço regulatório. “A regulação deve sempre ser um facilitador, e atuar na eliminação de barreiras para o desenvolvimento do setor.”

Coordenador da CTEnergia, Carlos Alberto Mattar (Aneel) apresentou os palestrantes e deu início às discussões da câmara técnica. “Difundindo o Hidrogênio Verde no Brasil: o projeto CH2V na Unifei” foi o tema da primeira palestra proferida pelos professores Luiz Augusto Horta Nogueira e Jamil Haddad, da da Universidade Federal de Itajubá. Em seguida, Camila Ramos, da Clean Energy Latin America (CELA), abordou “O Papel do Hidrogênio Verde na Transformação do Setor Elétrico”.

A segunda rodada anual de reuniões das Câmaras Técnicas da ABAR segue até a sexta-feira (1/7). Confira aqui a programação.

Confira a íntegra da reunião da CTEnergia