ATR participa do evento internacional Brazil Water Week 2022, da ABES

286

A Agência Tocantinense de Regulação, Controle e Fiscalização de Serviços Públicos (ATR) participou durante toda a semana da terceira edição do evento Brazil Water Week (BWW- Semana da Água do Brasil), um dos mais importantes eventos internacionais sobre água e saneamento do país, teve início nesta segunda-feira, 23, com participação de autoridades nacionais e internacionais.

O evento online é uma realização da Associação Brasileira de Engenharia Sanitária e Ambiental (ABES) e traz discussões relevantes sobre conhecimentos e experiências, tendo como ponto central o Objetivo de Desenvolvimento Sustentável 6, estabelecido pela da Organização das Nações Unidas (ONU) – Água potável e saneamento para todos: garantir a disponibilidade e a gestão sustentável.

O presidente nacional da ABES, Alceu Guérios Bittencourt, moderou a sessão de abertura, que teve a participação de autoridades, como a diretora-presidente da Agência Nacional de Águas e Saneamento Básico (ANA), Verônica Sánchez da Cruz Rios; o presidente da Fundação Nacional de Saúde (Funasa), Miguel da Silva Marques; o governador do Estado de São Paulo, Rodrigo Garcia; o presidente do Conselho Mundial da Água, Loïc Fauchon; o presidente da Associação Interamericana de Engenharia sanitária e Ambiental (AIDIS), Esteban Leigue; a CEO da Water Research Commission (Comissão de Pesquisa em Água da África do Sul), Jennifer Molwantwa e o diretor de Água para a América Latina e Caribe do Banco Mundial, David Michaud.

“O BWW agregou em um curto espaço de tempo, um universo de informações sobre os maiores desafios, problemas, soluções e cases de sucesso sobre água e saneamento no Brasil e em outros países, possibilitando-me ter uma visão macro das temáticas abordadas.” Relata o contador do setor de Regulação de Saneamento da ATR, Elias de Oliveira.

A programação da Brazil Water Week foi dividida em sete temas: Água, saneamento e saúde para todos; Economia circular; Planejamento e regulação; Gestão eficiente; Expansão da cooperação internacional e capacitação; Financiamento; e Meio Ambiente, mudanças climáticas e sustentabilidade. Foram cinco dias inteiros com mais de 40 horas de conteúdo online e 110 especialistas do Brasil e de outros 19 países, compartilhando suas experiências sobre os temas.

Com informações da ABES.