ARTESP e IFC vencem o prêmio “PPP Awards” na categoria “Ideia mais inovadora do Ano”

1300

O apoio técnico do IFC (International Finance Corporation) à Artesp – Agência de Transporte do Estado de São Paulo rendeu a primeira colocação do “PPP Awards Brazil 2017” na categoria “Ideia mais inovadora do ano”. O IFC e a Artesp participaram do prêmio com o programa “Aprimoramento da Financiabilidade”. O evento de entrega do prêmio foi ontem no Centro de Convenções Frei Caneca, em São Paulo.

A candidatura da Artesp e do IFC teve como base a 4ª rodada do programa de concessões rodoviárias paulistas, que incorporou inovações contratuais que representam grande avanço em projetos de infraestrutura do país, alinhando-se cada vez mais às melhores práticas internacionais. O modelo de financiamento dessas concessões permitiu financiabilidade e atratividade a investidores, cujo resultado já tem rendido frutos, com diversas manifestações de intenção de replicar o sucesso obtido nas duas primeiras licitações do programa, ocorridas em 2017 (Lotes das Rodovias do Centro-Oeste Paulista e Rodovia dos Calçados).

O PPP Awards tem como objetivo valorizar, enaltecer e contribuir para comunicar bons trabalhos e ideias de Parcerias Público-Privadas desenvolvidos no Brasil. A seleção dos premiados foi realizada por um grupo de jurados representando entidades da iniciativa privada e de órgãos governamentais relacionados ao desenvolvimento econômico.

Ao todo, foram inscritos 57 programas para concorrer ao PPP Awards, com destaque para os melhores projetos em oito categorias. Além da Artesp, outras áreas relacionadas à gestão do governo estadual foram vencedoras. O Governo do Estado de São Paulo venceu na categoria “Unidade de PPP do ano”. O PPP da Habitação do governo paulista foi o primeiro colocado na categoria “Projeto Estadual do Ano” e a Unidade de PPP do Governo do Estado de São Paulo venceu na categoria “Prêmio de Transparência para Governos”.

Para os idealizadores do prêmio – a Sator e a Radar PPP –, o PPP Awards entende que a sociedade, aos poucos, está amadurecendo a visão de que as Parcerias Público-Privadas são o principal veículo a partir do qual pode se materializar a mudança do paradigma de relacionamento de governos com a iniciativa privada para gestão da infraestrutura e dos serviços públicos.

Leia mais aqui