Arisb-MG apresenta estudo tarifário para conselheiros de Buritizeiro

132

Estudo tarifário produzido pelos analistas da Agência Reguladora Intermunicipal de Saneamento Básico de Minas Gerais (ARISB-MG) foi apresentado na terça-feira (19), na Câmara Municipal de Buritizeiro, para os membros do Conselho de Saneamento do Município. O estudo apontou para a necessidade de um reajuste de 16,36%.

O último estudo foi apresentado em agosto de 2020. Mas, em decorrência da Pandemia do Vírus Covid-19, as tarifas não sofreram qualquer alteração, o que levou a um desequilíbrio econômico e financeiro da prestação dos serviços de abastecimento de água e esgotamento sanitário, impossibilitando o Serviço Autônomo de Água e Esgoto (SAAE) do município ampliar os seus investimentos e, consequentemente, melhorar a qualidade da prestação dos serviços, sem comprometer a modicidade tarifária.

Romeu Pereira, diretor geral do SAAE, avaliou a reunião como positiva e produtiva, opinião compartilhada pelos analistas de Fiscalização e Regulação da ARISB-MG, Hilda Duarte e Guilherme Araújo.

Para Hilda Duarte, a reunião com os membros do Conselho foi fundamental para apresentar a situação do SAAE de Buritizeiro aos representantes da sociedade. “Foi exposta a necessidade do reajuste, para que a Autarquia possa cumprir com as despesas e manter os investimentos realizados”.

Guilherme Araújo destacou o quanto a reunião foi oportuna, pois aconteceu em momento de renovação de quanto cem por cento do Conselho. Da formação original, apenas dois permaneceram. “Foi uma grande oportunidade para todos saberem mais sobre a ARISB-MG e sobre a dinâmica do nosso trabalho”.