Aresc discute estratégias para serviços de saneamento durante o verão

275

A gerência de fiscalização de saneamento da Aresc (Agência de Regulação de Serviços Públicos de Santa Catarina) realizou durante esta semana uma série de encontros virtuais para acompanhar as estratégias operacionais dos prestadores de serviço a fim de garantir o abastecimento regular de água e o tratamento eficiente de efluente sanitário durante a temporada de verão.

As reuniões aconteceram com as concessionárias dos municípios litorâneos catarinenses que aumentam significativamente sua população durante o período de veraneio. Desta forma, o planejamento para atendimento dos usuários de Bombinhas, Balneário Camboriú, Camboriú, Florianópolis, Garopaba, Imbituba, Itajaí, Itapema, Porto Belo, Laguna, foi discutido e alinhado.

Dentre as principais ações, além das medidas estruturantes realizadas ao longo do ano, destaca-se ampliações de rede e recalques, limpezas e manutenções preventivas, instalação de grupos geradores de energia elétrica, contratos de importação e exportação de água, interligação de sistemas, acionamento de sistemas alternativas, entre outros, a depender do planejamento de cada prestador.

Além disso, também foram discutidas as ações dos Planos de Emergência e Contingência dos municípios, conforme as diretrizes da Resolução n°156 da Aresc. Esse documento descreve os principais riscos associados aos Sistemas de Abastecimento de Água e de Esgotamento Sanitário e as medidas preventivas, mitigadoras e de contingência, assim como define o plano de ação e as responsabilidades dos setores para atendimento das demandas.

A gerente de fiscalização de saneamento básico da Aresc, Luiza Burgardt, cita que para a maioria dos prestadores, o planejamento da temporada começou no término da temporada passada. Desta forma, foi possível executar diversas ações estruturantes ao longo do ano para garantia do atendimento da demanda de água e tratamento de efluente.

“A gente vem percebendo que as concessionárias estão começando a se preparar mais cedo para atender as necessidades decorrentes da temporada de verão. Baseadas nas demandas que tiveram no período, já trabalham ao longo do ano planejando as medidas para o verão seguinte. Isso resulta em mais ações estruturantes que estão atreladas a investimentos, resultando em melhorias”, completa Luiza.

“As ações realizadas com planejamento resultam em medidas mais efetivas e eficazes. Durante esse período, a Aresc vai ficar acompanhando as ações dos prestadores de serviço, além de auxiliar no que for necessário para garantir que o abastecimento da população permaneça mantido”, finaliza o Presidente da Aresc, João Carlos Grando.