ANTAQ – Tiago Lima participa da abertura do fórum Brasil – Holanda sobre transporte multimodal e logística

469

O diretor-geral em exercício da ANTAQ, Tiago Lima, participou da abertura do Fórum Brasil – Holanda sobre Transporte Multimodal e Logística, que aconteceu ontem (10), em São Paulo (SP). Lima anunciou investimentos nas instalações portuárias nos próximos anos de cerca de R$ 30 bilhões.

Os recursos, segundo Lima, contemplam 9, 5 bilhões de reais a serem aplicados em terminais de portos públicos e 21 bilhões de reais em terminais de uso privativo (TUP). O Brasil conta com 34 portos públicos e 129 TUPs.

De acordo com Tiago Lima, a maior parte dos recursos que serão aplicados nos terminais de portos públicos ocorrerão na região Sudeste, onde os investimentos somam R$ 5,4 bilhões. Nos portos públicos do Nordeste, os investimentos privados totalizam R$ 2 bilhões, nos do Norte, R$ 1,5 bilhão, e nos da região Sul, R$ 600 milhões.

O diretor-geral em exercício da ANTAQ manifestou ainda o interesse de realizar um novo seminário com a Holanda. Em 2009, a Agência promoveu o I Seminário Internacional sobre Hidrovias Brasil/Holanda.

Na ocasião, Brasil e Holanda firmaram a Carta de Brasília, com recomendações para dar à navegação interior um papel de maior destaque na política brasileira de transporte; estimular as indústrias a escolher locais próximos às hidrovias e/ou portos para se instalarem; criar condições para assegurar o uso múltiplo das águas; promover o uso de meios de transporte ambientalmente amigáveis e energeticamente econômicos; desenvolver sistemas para a coleta de resíduos das embarcações da navegação interior; e fortalecer a cooperação entre Brasil e Holanda no setor.

Além do Porto de Roterdã, um dos maiores da Europa, a Holanda possui um dos sistemas hidroviários mais avançados do mundo.

O Fórum, realizado ontem, contou com a participação dos ministros Paulo Sérgio Passos (Transportes) e Leônidas Cristino (Portos) e da ministra de Infraestrutura e Meio Ambiente do Reino dos Países Baixos, Melanie Schultz van Haegen.

Também participaram o secretário de Política de Transportes do Ministério dos Transportes, Marcelo Perrupato, o superintendente de Navegação Interior da ANTAQ, Adalberto Tokarski, a chefe da delegação comercial holandesa, Ineke Dezentjé Hamming, e o embaixador do Reino dos Países Baixos no Brasil Kees Rade, além de representantes de empresas de logística e transporte da Holanda.

Fonte: ANTAQ

{backbutton}