ANP- Queda na demanda faz cair preços do etanol

492

Segundo pesquisa realizada pela ANP – Agência Nacional do Petróleo, nos postos de gasolina das cidades de Santo André, São Bernardo, São Caetano e Diadema no Estado de São Paulo, o etanol está em média 6,6% mais barato que na primeira semana de  janeiro, apesar da baixa produção do etanol nas usinas de cana-de-açúcar. O litro do álcool combustível, que era vendido ao preço médio de R$ 1,88, hoje é encontrado a R$ 1,76.

Enquanto isso, a Unica (União da Indústria de Cana-de-Açúcar) aponta que, no acumulado da safra 2012/2013, foram produzidos até o dia 15 último,  4,29 bilhões de litros de etanol. Volume 22,81% menor do que na safra anterior.

Uma explicação para esse fenômeno pode ser vista no próprio relatório de produção feito pela Unica. Segundo o documento, ainda na safra iniciada neste ano, a venda do etanol para as distribuidoras de combustíveis apresentou uma queda de 10,82% em relação a 2011.

Essa tendência é confirmada pelo vice-presidente do Regran (Sindicato do Comércio Varejista de Derivados do Petróleo do ABCDMRR), Wagner de Souza. “Houve uma redução nos preços praticados pelas refinarias, entre R$ 0,02 e R$ 0,03 a menos, mas isso foi motivado pela redução da demanda”.

Nem mesmo o balanço nos preços entre o etanol e a gasolina – que hoje está na casa dos 67,8%, ou seja, favorável ao etanol – ajudou a mudar esse cenário. “É uma diferença ainda muito pequena. Na hora de abastecer, o motorista acaba optando pela gasolina, pela maior autonomia que ela oferece. Hoje, a proporção de consumo é de 70% para a gasolina e 30% para o etanol. Já chegou a ser de 60% para o álcool combustível, explica Souza.

Fonte: http://www.redebomdia.com.br