ANP participa da Operação Petróleo Real em 25 estados e no DF

23

A ANP participou, na última quinta-feira (8/7), da Operação Petróleo Real, do Ministério da Justiça e Segurança Pública, que teve o objetivo de fiscalizar e combater fraudes nos postos de combustíveis. A ação foi realizada simultaneamente em 25 estados e no Distrito Federal. Foram fiscalizados pela Agência 195 postos de combustíveis, com a realização de 527 testes de qualidade e verificação de 1.646 bicos de bombas abastecedoras.

Durante a operação, houve a emissão de um total de 35 autos de infração. Em 12 postos, as autuações foram motivadas por problemas de qualidade do combustível e, em outros cinco, por “bomba baixa” (que fornece volume inferior ao registrado). Os fiscais também fizeram três interdições em estabelecimentos por falta de autorização de funcionamento e duas por rompimento de lacre colocado em fiscalização anterior.

A Operação Petróleo Real foi coordenada pela Secretaria Nacional do Consumidor (Senacon) e Secretaria de Operações Integradas (Seopi). A ação inédita vistoriou postos de gasolina em todas as unidades da Federação, exceto o Maranhão.

Além da ANP, participaram das ações de fiscalização: Procons estaduais e municipais, Instituto Nacional de Metrologia, Qualidade e Tecnologia (Inmetro), Polícia Federal (PF), Polícia Rodoviária Federal (PRF), Polícia Militar (PM), Polícia Civil (PC), Corpo de Bombeiro Militar (CBM), Guardas Civis Municipais (GCMs) e Secretarias de Segurança Pública.