ANEEL – Realizará reunião extra para avaliar Equatorial/Celpa

477

A diretoria da Agência Nacional de Energia Elétrica – ANEEL convocará uma reunião extraordinária para votar o plano de transição proposto pela Equatorial Energia para assumir o controle da distribuidora paraense CELPA, do Grupo Rede Energia disse em 13 de agosto à Reuters um diretor da autarquia. Neste plano, a Equatorial pediu à ANEEL flexibilização nos critérios regulatórios que medem a qualidade do serviço e as perdas de energia causadas por furtos, os chamados “gatos”, explicou o diretor da ANEEL André Pepitone.

 O diretor da ANEEL, também explicou que o plano será votado pela diretoria da ANEEL antes da assembleia de credores da CELPA, que se encontra sob processo de recuperação judicial, marcada para o dia 21 deste mês. A ANEEL está disposta a atender, em parte, os pedidos, mas não exatamente nos termos solicitados pela Equatorial. Entre os pedidos da Equatorial está o de aumentar a tolerância regulatória com as chamadas “perdas não técnicas” de energia, que são basicamente furtos de energia por meio de ligações clandestinas. Hoje, o patamar de furtos na rede de baixa tensão da CELPA é de cerca de 50% da energia distribuída, segundo Pepitone.

 Pelas regras já aprovadas no Terceiro Ciclo de Revisão da CELPA, o porcentual de perdas que a ANEEL reconhece e aceita repassar para a tarifa em 2012, 2013, 2014 e 2015 é de 36,27% a cada ano. Segundo Pepitone, a Equatorial queria elevar o limite tolerado em 2012 para um porcentual similar ao que vem sendo verificado na prática (cerca de 50 por cento) e reduzi-lo gradativamente nos anos seguintes.

Leia mais:

 

 

Fonte: http://economia.terra.com.br