AGRESE realiza Chamamento Público para estudos sobre a concessão da BR-235

736

A Agência Reguladora de Serviços Públicos do Estado de Sergipe (Agrese), autarquia especial integrante da administração indireta do Poder Executivo Estadual de Sergipe, publicou na última segunda-feira (26), o Chamamento Público nº 02/2017, sobre a abertura de Procedimento de Manifestação de Interesse (PMI) para receber propostas que tenham por objeto a elaboração de estudos que demonstrem a viabilidade técnica e econômico-financeira para subsidiar a concessão da BR-235, no trecho rodoviário delegado ao Estado de Sergipe, conforme convênio celebrado com a União.

O edital de Chamamento tem como objetivo analisar as receitas e os custos de investimentos necessários à viabilização da estruturação da Concessão Pública entre os trechos a partir da Avenida Osvaldo Aranha (saída de Aracaju), até o acesso ao povoado Terra Dura, em Ribeirópolis, passando por Itabaiana.

O prazo para recebimento do requerimento de autorização para apresentação das propostas será até às 13h do vigésimo dia contínuo, a partir de 26.07.2017. Os pedidos devem ser feitos na sede da Agrese (Agência Reguladora de Serviços Públicos do Estado de Sergipe), situada na Avenida Marieta Leite, nº 301, Bairro Grageru, CEP: 49.027-190, Aracaju-Se, telefone (79)3218-2702.

O Chamamento Público n° 002/2017 e seu anexo (Termo de Referência) na íntegra, serão disponibilizados por meio eletrônico, após a solicitação do interessado, a qual deverá ser feita pelo e-mail (gabinete.agrese@agrese.se.gov.br) ou pessoalmente, na sede da Agência Reguladora.

De acordo com o diretor – presidente da Agrese, Luiz Hamilton Santana de Oliveira, a duplicação da BR-235 é um dos mais importantes investimentos para todo o estado de Sergipe. “A concessão da BR-235 representa, para o estado de Sergipe, uma iniciativa de grande importância por conta do imenso número de veículos que trafegam diariamente no trecho a ser duplicado. Com essa duplicação, o tempo de deslocamento entre os municípios será reduzido significativamente, além de representar um importante incremento para a segurança das pessoas uma vez que haverá uma sensível redução dos acidentes de trânsito. Além disso, haverá melhorias quanto ao transporte de cargas, gerando renda e novos investimentos por toda a região por onde passa a BR-235”.

Hamilton Santana relata ainda que, a rodovia será duplicada sem o dispêndio de dinheiro público e passará a contar com itens que elevarão o nível de segurança para motoristas e pedestres. “Essa duplicação não trará nenhum ônus financeiro para o estado, uma vez que será efetivada mediante concessão pública. E passará a ser uma rodovia dotada de equipamentos de segurança, telefones de emergência, postos de atendimento aos usuários e vários outros serviços,” finalizou Hamilton.