Agems homenageia dirigentes que ocuparam presidência em seus 20 anos

63

Em ação comemorativa dos 20 anos de criação da Agems (Agência Estadual de Regulação de Serviços Públicos de Mato Grosso do Sul), antiga Agepan, os dirigentes que ocuparam o cargo de diretor-presidente da autarquia nessas duas décadas são homenageados, com a instalação de uma galeria de fotos, na sede da agência, em Campo Grande. O atual presidente, Carlos Alberto de Assis, diretores e colaboradores receberam na terça-feira (7) dois dos quatro ex-dirigentes para a cerimônia de inauguração.

“Queremos perpetuar a história de vocês, a história da agência que vocês construíram e que eu tenho hoje a missão de dar continuidade. Estamos começando um novo ciclo, com um novo nome, mas sem esquecer desse histórico”, declarou ele no evento que contou com as presenças de Anízio Pereira Tiago e Youssif Assis Domingos. Sérgio Seiko Yonamine e Roberto Hashioka Soler não puderam comparecer, em razão de compromissos prévios.

Primeiro ocupante da presidência, Anízio Tiago lembrou as dificuldades iniciais, quando a então Agepan existia apenas no papel, recém-criada pela Lei 2.363, de 19 de dezembro de 2001. Além da inexistência de estrutura física, era um modelo de órgão público novo. Para ele, um dos feitos mais importantes da gestão foi a criação da Lei 2.766/2003, que começou a organizar as atividades de regulação. “E esse é um trabalho que continua, é um processo contínuo, mas contínuo com mudanças, porque se não for assim, não é bom”, afirmou.

Assim como Tiago, Youssif Domingos, que antecedeu Carlos Alberto de Assis na direção da agora AGEMS, agradeceu o reconhecimento, elogiou a iniciativa e comparou a sequência do trabalho a um esporte de revezamento, onde o sucesso depende do bom desempenho de todos. “É como aquela corrida de atletismo com o bastão, onde cada um vai entregando para o próximo, e esse que assume se empenha cada vez mais.  Todos têm a sua contribuição, no seu devido tempo”, reconheceu. “A agência vai crescendo, vai se tornando mais importante, cada vez abraçando outros serviços e tendo seu trabalho solicitado até por outros importantes órgãos, como o Ministério Público, que busca auxílio, que pede informações”, lembrou Youssif.

O cargo de diretor-presidente na Agência de Regulação é ocupado por mandato, com o titular tendo comprovada competência, sendo indicado pelo governador do Estado e tendo o nome aprovado pela Assembleia Legislativa antes de ser nomeado. O mandato é de quatro anos, permitida uma recondução.

LINHA DO TEMPO

  • Anízio Tiago – 18/12/2001  a 31/12/2009
  • Sérgio Ionamine – 01/01/2009  a 2011
  • Roberto Hashioka – 11/4/2011 a 4/4/2012
  • Youssif Domingos – 11/4/2013 a 4/2021
  • Carlos Alberto de Assis – assumiu em 11/04/2021, com mandato até 2025.