ADASA inicia implantação do Sistema Eletrônico de Informações

684

A Adasa (Agência Reguladora de Águas, Energia e Saneamento Básico do Distrito Federal) se prepara para aposentar seus processos físicos, em papel, no dia 06 de novembro, quando o SEI entrará em vigor na autarquia. O Sistema Eletrônico de Informações é uma plataforma de produção e gestão de documentos e processos eletrônicos desenvolvida pelo Tribunal Regional Federal (TRF) da 4ª Região e cedido gratuitamente à administração pública.

O SEI começou a ser formatado no âmbito do Governo de Brasília a partir da assinatura do Acordo de Cooperação Técnica nº 02/2013, que foi celebrado entre o Ministério do Planejamento, a Embrapa, a Companhia de Valores Mobiliários e o GDF. O intuito é formalizar uma estrutura colaborativa para a implantação do Processo Eletrônico Nacional (PEN) e disponibilizar o SEI como solução de processo eletrônico para os órgãos partícipes.

No Governo de Brasília, o órgão responsável pela implantação e gestão do SEI é a Secretaria de Estado de Planejamento, Orçamento e Gestão (Seplag), por meio da Secretaria Adjunta de Gestão da Estratégia, que coordena o projeto de implantação do SEI-GDF. Diversos órgãos e entidades do DF já estão com o SEI em pleno funcionamento. A previsão para a finalização da implantação em toda a administração do GDF é 2019.

Na Adasa, o Serviço de Gestão de Pessoas vem preparando uma série de eventos de capacitação para treinar servidores, colaboradores e estagiários. Ao todo, serão 20 pontos focais e 40 multiplicadores capacitados na Escola de Governo e mais de 23 oficinas em laboratório montado nas dependências da Agência.

Segundo Dennis Monteiro de Barros, chefe de Gestão de Pessoas da Adasa, o objetivo é capacitar 100% dos servidores, colaboradores e estagiários lotados na Agência. “A Adasa é uma entidade de excelência e a sua eficiência será ainda maior com a implantação dos processos eletrônicos, via SEI”, afirmou Barros.