Movimentação de veículos cai 17% nas rodovias de SP após campanha

1

A Operação Descida, realizada pelo Departamento de Estradas de Rodagem (DER-SP) em parceria com a Artesp (Agência de Transporte do Estado de São Paulo), reduziu em 17% a movimentação nas rodovias paulistas, de acordo com o levantamento da Secretaria de Logística e Transportes de São Paulo. Entre os dias 26 de março e 4 de abril, passaram pelas estradas 1,2 milhão de veículos, ante 1,4 milhão, na semana anterior à fase emergencial, de 5 a 14 de março.

As diminuições foram observadas após as medidas adotadas pelo Governo de São Paulo para desestimular o fluxo de veículos e o movimento sentido ao litoral. Entre elas, a suspensão da Operação Descida no SAI e na rodovia dos Tamoios, que vigorou até domingo (4/4).

“Estamos fazendo tudo o que está ao nosso alcance para diminuir o tráfego nas rodovias. São ações que contribuem com a redução da circulação do vírus e do número de acidentes, essenciais neste momento de lotação dos leitos hospitalares”, reforçou o secretário João Octaviano Machado Neto.

“As medidas que estão sendo adotadas pelo Governo do Estado de São Paulo já começam a dar resultados. É preciso que haja uma união de todos e que a população contribua e fique em casa. O isolamento social é fundamental para conseguirmos diminuir o aumento dos casos positivos da Covid-19 entre as pessoas”, explica Milton Persoli, diretor geral da Artesp.

A fase emergencial do Plano SP, etapa com mais restrições de circulação e atividades, está em vigor desde 15 de março em 645 cidades para frear aumento de casos e mortes. Durante os feriados prolongados na capital paulista e o de Páscoa, o DER e a Artesp realizaram campanhas nas redes sociais e nos painéis em rodovias com mensagens para as pessoas ficarem em casa no enfrentamento ao coronavirus. As ações foram realizadas nas redes sociais e nos Painéis de Mensagens Variáveis (PMVs) espalhados pelas rodovias do Estado de São Paulo.