Seminário sobre PPPs de Resíduos Sólidos ocorre na próxima semana no Ceará

117

Nos dias 27 e 28 de maio o Ceará reunirá importantes nomes que, juntos, discutirão a Política Nacional de Resíduos Sólidos (PNRS) e suas problemáticas. Será durante a edição número seis do Seminário Política Nacional de Resíduos Sólidos, uma iniciativa do Instituto Future, da Agência Reguladora do Estado do Ceará (Arce) e da Fundação de Cultura de Apoio ao Ensino, Pesquisa e Extensão (Funcepe). O evento acontecerá no auditório da Câmara de Dirigentes Lojistas de Fortaleza, na Rua 25 de Março, 882, Centro, e tem como principal tema a formação de “Parcerias Entre o Público e o Privado – uma solução para a gestão de resíduos”.

Nesse contexto, a sexta edição do evento conta com programação diversificada, composta por nove temas subdivididos em seis mesas redondas e três palestras. No primeiro dia, os trabalhos se iniciam com palestra magna, a cargo do Secretário Nacional de Saneamento Ambiental do Ministério do Desenvolvimento Regional, Jônathas Castro, sucedida pela primeira mesa redonda, cujo tema será “PPPs em Resíduos Sólidos”. O mediador será o diretor executivo da Arce, Alceu Galvão, e, entre os debatedores, estará o presidente da Associação Brasileira de Agências de Regulação – Abar, Fernando Franco, que também ocupa o cargo de presidente do conselho diretor da Arce .

Na sequência, será ministrada a segunda palestra, envolvendo os “Desafios na Logística Reversa, Reúso e Negociação de Créditos”, sob a responsabilidade de Rodrigo Leite, diretor da empresa Reload. Desta feita, a mesa redonda abordará “As Parcerias Privadas e o Controle de Contas dos Municípios”, cuja mediação ficará a cargo do coordenador econômico-tarifário da Agência Cearense, Mário Monteiro. Os trabalhos desse dia serão concluídos com palestra do analista de regulação da Arce, Felipe Campos, sobre “Expectativas do mercado para investir em resíduos sólidos” e, em seguida, começa a terceira mesa redonda, trazendo “Como os instrumentos da PNRS podem incentivar a participação privada”.

Já no dia 28, as atividades serão distribuídas em três mesas redondas que focarão, respectivamente, os temas: “Discutindo Resíduos”, com mediação feita por Alceu Galvão; “Produção de Combustível a partir de Resíduos”, mediada pelo professor da Universidade Federal do Ceará (UFC), Ronaldo Stefanutti; e, encerrando os trabalhos, “Passo a passo – como estruturar a gestão de resíduos sólidos”, mediada pelo analista de Desenvolvimento Rural, Recursos Hídricos e Meio Ambiente da Associação dos Municípios do Estado do Ceará (Aprece), Nicolas Fabre. O encerramento do Seminário está programado para acontecer ao meio dia e meia.

Serviço:

O evento em questão nasceu, exatamente, com o propósito de trazer à tona os principais problemas advindos da inadequada destinação dos resíduos e, a partir daí, buscar ações preventivas que resultem na prática de hábitos de consumo sustentável e, por conseguinte, propiciar o aumento da reciclagem e reutilização daquilo que ainda tem valor econômico, que pode ser reaproveitado. A correta destinação dos rejeitos é outro ponto. O Seminário Política Nacional de Resíduos Sólidos firmou-se como importante cenário para debates e discussões em torno do desafio da geração e eliminação de resíduos sólidos, fazendo parte do calendário de eventos do Ceará.