Rodolfo Ferreras, da ARSESP, fala sobre Benchmarking Colaborativo

300
Rodolfo G. Ferreras, Superintendente da Agência Reguladora de Saneamento e Energia do Estado de São Paulo – ARSESP. Foto: ARSESP

O Superintendente da Agência Reguladora de Saneamento e Energia do Estado de São Paulo – ARSESP, Rodolfo G. Ferreras, falou com a ABAR sobre o projeto de Benchmarking Colaborativo desenvolvido pela agência, com a coordenação do Diretor Presidente da agência, Hélio Luiz Castro, e participação de Marlene R. Amorim e Flávia O. Della Santina.


“O Benchmarking colaborativo é um estudo realizado por um grupo de instituições sobre um determinado objeto, que pode ser um processo, prática ou produto, para compartilhar conhecimentos e resolver problemas em comum.

O nosso projeto visa conhecer das agências reguladoras participantes, seu processo de planejamento, como se preparam para a regulação e fiscalização. Conhecendo a estrutura e como olhamos para a gestão dos processos podemos entender a forma de planejar das agências e os procedimentos para realização das atividades de regulação e fiscalização.

Temos, nesse projeto, uma visão ampliada para a necessidade de ter uma estrutura bem definida, identificando os diferentes perfis dos empregados, lembrando que sempre, em todos os processos, possuem oportunidade de melhorias.

Estamos tendo também a oportunidade de conhecer como são organizados os recursos humanos das agências, quantidade e qualificação das pessoas e projetar uma melhoria, entendendo quais treinamentos e capacitações são necessários.

Para o projeto de Benchmarking Colaborativo temos a participação de ao menos uma agência municipal, uma estadual e uma intermunicipal de todas as regiões do Brasil que apresentam logísticas diferentes, realidades diferentes de território, tamanho e logística de fiscalização.

Nas três agências visitadas até o momento identificamos boas práticas e temas interessantes que queremos disseminar para todas as agências de regulação e fiscalização de saneamento e queremos implementar, adequando a realidade da nossa agência, práticas que estamos observando nesse trabalho.

Este projeto é patrocinado pela ABAR e o resultado do mesmo será plasmado num documento que ficará disponível para todas as agências associadas e será uma base de conhecimento comum que poderá ser revisado periodicamente consolidando as melhores práticas num processo de melhoria contínua.”

“Não se gerencia o que não se mede, não se mede o que não se define, não se define o que não se entende, não há sucesso no que não se gerencia”. Willliam Eduard Deming