Florianópolis recebe “Encontros com a ANCINE”

202

A Agência Nacional do Cinema – ANCINE, em parceria com SANTACINE (Sindicato da Indústria Audiovisual de Santa Catarina), realizou nos dias 13 e 14 de dezembro o seminário “Encontros com a ANCINE”, em Florianópolis (SC), no Auditório do Centro de Artes da Universidade do Estado de Santa Catarina.

Na manhã do primeiro dia, Laís Santoyo, Especialista em Regulação da Atividade Cinematográfica e Audiovisual, e Thais Coelho, Técnica em Regulação da Atividade Cinematográfica e Audiovisual, apresentaram o novo FSA e seus critérios, incluindo o edital de fluxo contínuo de TV e cinema, a pontuação automática e o desempenho artístico e comercial.

A primeira palestra da tarde foi conduzida por Carolina Silva, Coordenadora de Análise de Direitos, que trouxe informações sobre direitos na obra audiovisual, conceitos e requisitos no que se refere à classificação de obra e noções sobre o arranjo jurídico da obra.

A Analista Técnica, Denise Lezo fechou as palestras do primeiro dia e falou sobre o acompanhamento de obras audiovisuais, alterações e remanejamento de recursos e da análise complementar.

No último dia do seminário, o Coordenador de Prestação de Contas da Superintendência de Fomento, Maurício Bortoloti, falou sobre os novos modelos de execução de despesas, remanejamento interno dos itens orçamentários, ressarcimento de despesas (internas e externas) e co-execução.

Sobre o Encontros com a ANCINE
O projeto ocorre em dois dias de seminários com discussões a respeito das principais etapas de concepção, tramitação dos projetos na agência, incluindo a prestação de contas final.

Os seminários são organizados e apresentados por técnicos da ANCINE com larga experiência nos seus setores, incluindo coordenadores das próprias áreas de tramitação.

O projeto “Encontros com a ANCINE” já foi realizado em Fortaleza, Rio de Janeiro, São Paulo e Florianópolis. Em 2019, o programa deverá se repetir em outras cidades do país. Um terceiro dia pode ser incorporado, dependendo da necessidade dos agentes locais, para o esclarecimento de problemas e dúvidas mais específicas de projetos já em tramitação na agência.

Com o objetivo de aumentar sua transparência e eficácia, o projeto “Encontros com a ANCINE” contempla uma rotina de avaliação da qualidade – incluindo questionários a serem feitos diretamente aos participantes, bem como o acompanhamento das intercorrências entre o mercado (os projetos) e as análises de prestação de contas na Agência, antes e depois dos encontros. Dessa forma, poderão ser avaliados a clareza, a eficiência e o impacto real das apresentações realizadas.