Anuário Estatístico do Cinema Brasileiro da ANCINE apresenta recorde de lançamentos de filmes nacionais em 2017

410

Com o objetivo de preservar a memória estatística do cinema brasileiro, a Agência Nacional do Cinema – ANCINE publicou nesta segunda-feira, 22 de outubro, o Anuário Estatístico do Cinema Brasileiro, apresentando dados de 2017 e dados em panorama de 2009 a 2017.

No ano de 2017, o país bateu o recorde de títulos brasileiros lançados nas salas de cinema – foram 160 longas-metragens (sendo 91 longas de ficção, 62 documentários e 7 animações). Esses títulos venderam mais de 17 milhões de ingressos, o que representou uma participação de público de 9,6%. Em 2016 foram 142 filmes brasileiros estrearam nas salas de cinema, e em 2009, apenas 84.

No geral, somando os ingressos de filmes nacionais e estrangeiros, o Brasil continua acima dos 180 milhões de ingressos vendidos por ano, apesar de apresentar uma redução do público em salas de cinema em relação ao ano anterior (184,3 milhões). Ainda assim, a renda bruta auferida em salas de cinema, em valores absolutos, teve um aumento de 4,6% em 2017.

O filme de maior público foi “Meu Malvado Favorito 3”, com quase 9 milhões de ingressos vendidos. Já o longa brasileiro mais visto foi “Minha mãe é uma peça 2”, que teve um público de mais de 5 milhões em 2017.

Leia mais aqui.