ANP divulga dados de exploração de petróleo e gás natural

308

A ANP divulga em seu portal, a partir de hoje (5/9), as previsões anuais sobre atividades de exploração de petróleo e gás natural para 2019. Os dados podem ser acessados na página de Previsão de Produção e Atividades.

As previsões contemplam: perfuração de poços exploratórios em terra e mar, atividades de sísmica 2D e 3D e respectivos orçamentos. Elas refletem as informações declaradas pelos operadores à ANP no Contrato de E&P – cláusula de PAT/OAT em fase de exploração. 

Também estão disponíveis desde 1/8, no site da ANP, as previsões anuais sobre atividades de desenvolvimento e produção de petróleo e gás natural para os próximos cinco anos. 

Os contratos de concessão, cessão onerosa e os de partilha da produção se dividem em duas fases: exploração e produção. A fase de exploração precede a fase de produção e tem por objetivo descobrir e avaliar jazidas de petróleo e/ou gás natural. A fase de produção é aquela em que as acumulações de petróleo e/ou gás natural descobertas e que tiveram sua viabilidade comercial comprovada dão origem a um campo produtor, sendo desenvolvidas e postas em produção para abastecer o mercado. 

O objetivo dessas ferramentas é fornecer às empresas de serviços projeções que auxiliem na programação e planejamento de investimentos e atividades, diante do cenário de retomada do setor de petróleo e gás brasileiro, que resultará em aumento da produção e da demanda por serviços nos próximos anos. 

Em função das incertezas inerentes às variáveis consideradas, bem como à possibilidade de apresentação de atualizações e revisões destas estimativas pelos operadores, não há garantia de efetivação das estimativas ao longo do período simulado.