AGERSA​ ​usa​ ​monitoramento​ ​remoto​ ​do​ ​transporte​ ​para​ ​gestão​ ​de​ ​fiscalização

626

A frota do transporte coletivo de Cachoeiro já conta com monitoramento remoto realizado por meio de equipamentos GPS. Os aparelhos registram em tempo real os movimentos dos coletivos e enviam as informações para o sistema de gestão veicular utilizado pela Agência Municipal de Regulação dos Serviços Públicos Delegados (Agersa).

Desenvolvido em parceria entre Agersa e Dataci, o sistema processa as informações
geradas pelos equipamentos GPS instalados nos coletivos e as armazena em banco de
dados para posterior análise do setor técnico da agência reguladora. As informações
colhidas servem, dentre outras funções, para averiguar o cometimento de infrações
relacionadas a horários, itinerários ou velocidade dos veículos.

Iniciado no final do mês de junho, o monitoramento da frota já influencia no tratamento e retorno de reclamações e informações para os usuários do transporte coletivo.

“Com os dados fornecidos pelo sistema de monitoramento, as respostas dadas ao usuário são mais precisas e em menor tempo, visto que grande parte das solicitações e reclamações são analisadas e respondidas tomando como base as informações disponíveis no sistema”, afirma Vilson Carlos Gomes Coelho, Diretor-Presidente da Agersa.

O retorno ao usuário reclamante é feito por meio de e-mail ou telefone, dependendo do canal que o usuário utilizou para entrar em contato com a ouvidoria da Agersa. Neste retorno, são disponibilizadas todas as informações apuradas, inclusive, caso seja
requisitado pelo usuário, os arquivos que são gerados pelo sistema de monitoramento que comprovam ou não alguma irregularidade.

“A qualidade do retorno que a Agersa pode agora dar ao usuário do transporte coletivo, com certeza, teve uma melhora exponencial, pois os técnicos passaram a ter ferramentas de controle, essenciais ao bom atendimento ao cidadão”, avalia Vilson Coelho.

Leia mais aqui.