AGEMAN: Manaus ganha a maior estação de Tratamento de Esgoto entre as capitais do Norte

114

Com a ampliação da Estação de Tratamento de Esgoto (ETE) Timbiras, localizada entre os bairros Flores e Cidade Nova, Manaus passou a ter a maior estação de tratamento da região Norte. A obra foi entregue nesta quarta-feira, 4/7, pelo prefeito de Manaus, Arthur Virgílio Neto, e pelo diretor-presidente da Manaus Ambiental, Renato Medicis.

A estação faz parte do Sistema de Esgotamento Sanitário Cidade Nova e representa um investimento total de, aproximadamente, R$ 32 milhões da concessionária em saneamento básico, conforme o Plano de Metas firmado com a Prefeitura de Manaus.

Mais de 100 mil usuários de conjuntos e comunidades da zona Norte serão beneficiados com a ampliação da ETE, que duplicará sua capacidade de tratamento de 110 litros por segundo para 220 litros por segundo.

Além da reforma, o sistema inclui ainda a implantação de novas elevatórias que vão direcionar o esgoto de áreas da zona Norte para a ETE Timbiras, que fará o tratamento e a devolução ao meio ambiente dentro dos padrões exigidos pela legislação ambiental.

“Com este investimento da coleta de esgoto, o tratamento das águas vai acontecer em todos os núcleos da Cidade Nova e mais os bairros adjacentes da zona Norte. A água vai passar a ser devolvida 95% pura ao igarapé e, contando com o apoio da população em não jogar lixo nos Igarapés, esperamos que a poluição dos mesmos diminua, melhorando a qualidade das águas, que um dia podem recuperar os igarapés da cidade”, disse o prefeito de Manaus, Arthur Virgílio Neto, que visitou a área da água que é despejada mais limpa de volta aos igarapés.

A iniciativa representa um avanço no planejamento da Prefeitura de Manaus que tem como meta ampliar para 80% a cobertura de esgoto na capital até 2030.

“O contrato de concessão prevê, que ao longo dos anos, façamos diversos investimentos na ampliação do acesso à coleta e tratamento de esgoto e a grande meta é até o ano 2030, termos 80% de cobertura de tratamento e coleta de esgoto, levando mais qualidade de vida para a população e preservando o meio ambiente” relatou o diretor-presidente da Manaus Ambiental, Renato Medicis.

Todo o processo de ampliação da ETE Timbiras foi acompanhado pela Unidade Gestora de Abastecimento de Água e Esgotamento Sanitário (UGPM-Água) da Prefeitura de Manaus e vistoriado pela Agência de Regulação dos Serviços Públicos Delegados do Município de Manaus (Ageman).

“O prefeito numa visão gigantesca e generosa está buscando saúde pública para a cidade de Manaus, dentro dos critérios que se busca na regulação e fiscalização do saneamento do Brasil. A Ageman vai fiscalizar todas as metas do contrato estabelecidas pelo poder concedente, que é a Prefeitura de Manaus, as antecipadas e principalmente todos os termos de referência e os aditivos do contrato de concessão, na sua fiscalização de engenharia, fiscalização jurídica nos contratos e cobrar da Manaus Ambiental, de forma muito firme, todos esses investimentos feitos pela nova empresa”, contou o diretor-presidente da Ageman, Fábio Alho.

Para o segundo semestre, Alho ressalta que outras duas Estações de Tratamento de Esgoto deverão ser interligadas ao complexo, a ETE Vila Nova, também na zona Norte e ETE Xingu, na zona Oeste. Ambas vão atender a seis mil domicílios. A estrutura faz parte do Plano Anual de Exploração dos Serviços – 2018 da concessionária.

Veja mais fotos aqui.