AGEMAN fiscaliza obra em rede de água que vai beneficiar mais de 200 famílias na zona Norte de Manaus

197

Fiscais da Agência Reguladora dos Serviços Públicos Delegados do Município de Manaus (Ageman) começaram a acompanhar os trabalhos de reforço da rede de abastecimento de água que vai beneficiar mais de 200 famílias na comunidade Jardim São Luís, no bairro Colônia Terra Nova, zona Norte de Manaus.

A localidade já possuía rede de abastecimento de água, no entanto, o projeto inicial executado pela empresa Manaus Ambiental não foi suficiente para atender a necessidade diária dos moradores.

A doméstica Maria Paixão, 36, mora na comunidade há mais de dez anos e para ter roupa limpa, ela vai todos os dias à casa da sogra. “Lavo roupa na casa da minha sogra porque mesmo acordando de madrugada para reservar água, a quantidade nunca é suficiente pois é muito fraca. Meu sonho é ver água saindo da torneira todos os dias e o dia todo aqui em casa”, disse a dona de casa.

O diretor-presidente da Ageman, Fábio Alho, explica que após a identificação do problema de desabastecimento na comunidade São Luís, a concessionária incluiu a obra no Plano Anual de Exploração de Serviços da empresa e deu início aos trabalhos de reforço da rede que têm o objetivo de resolver o problema de forma definitiva.

“A Ageman está acompanhando a execução desses serviços. A medida atendeu a uma intervenção da agência reguladora. Identificamos que a estrutura instalada pela concessionária, em virtude do aclive e declive das ruas, não estava atendendo a contento, por isso o reforço de rede se fez necessário e esperamos que com isso, o problema de desabastecimento seja resolvido de forma definitiva”, explicou Fábio.

As novas redes de água terão uma extensão de aproximadamente dois quilômetros com tubulações de diâmetros que podem chegar a 200 milímetros. Os trabalhos estão sendo realizados em várias vias, entre elas, as ruas Rio Tocantins, Rio Tapajós e Avenida Buriti. O investimento beneficiará também os moradores da comunidade Santa Marta e Rio Piorini.

Atualmente, o Jardim São Luís está abastecido pelo sistema Ponta do Ismael e poço tubular profundo no Novo Israel.