ProEESA 2 apresenta sua programação de seminários virtuais

7
Curso

A Rede de Aprendizagem propõe temas que desenvolvam e melhorem a eficiência operacional das instituições

A Rede de Aprendizagem em Instrumentos de Regulação para Perdas de Água e Energia – (ProEESA_2.0), deu início a sua edição on-line 2020. Com a participação de 64 companhias de saneamento básico e mais de 170 representantes de 11 unidades federativas brasileiras, a rede lançou uma série de webinars (seminários online) que começou dia 17 de março e ocorrerá até novembro de 2020.

Em cada webinar serão abordados aspectos organizacionais, de planejamento, perdas reais, perdas aparentes, gestão de faturas de energia, eficiência hidro energética, assim como as melhores práticas de gestão de informação previstas na metodologia ACERTAR (“A” de auditoria, “CERT” de certificação e “AR” de agências reguladoras) que propõe a execução padronizada, por parte das agências reguladoras, da auditoria e certificação dos dados do Sistema Nacional de Informações sobre Saneamento (SNIS) tornando-os mais sólidos e confiáveis.

Além disso, serão analisados conteúdos técnicos e compartilhamento de boas práticas, em modalidade tutorada por especialistas, levando a uma apropriação e assimilação de conhecimentos de forma mais rápida e efetiva, visando potencializar a melhoria da gestão energética, assim como aspectos relacionados a informações de água e energia que correspondem a 50 melhores práticas das 101 previstas na metodologia.

O Projeto ProEESA 2

A Secretaria Nacional de Saneamento do Ministério de Desenvolvimento Regional (SNS/MDR) e o Ministério Federal da Cooperação Econômica e do Desenvolvimento da Alemanha (BMZ) cooperam no Projeto de Eficiência Energética no Abastecimento de Água – Fase 2 (ProEESA 2). A contribuição alemã está a cargo da Cooperação Alemã para o Desenvolvimento Sustentável/Deutsche Gesellschaft für Internationale Zusammenarbeit GmbH (GIZ), por meio da empresa de consultoria AKUT. A rede conta com companhias de saneamento de todas as naturezas legais (pública, privada, mista) e diferentes abrangências geográficas (municipal, regional / estadual)

O projeto apoia as agências reguladoras e os prestadores de serviços de saneamento, visando assim melhorar as condições para implantação de medidas de eficiência energética no setor. Seu objetivo principal consiste em dar poio à execução de auditorias nos processos de gestão de informação relacionadas com água e energia, seguindo a metodologia ACERTAR e também dar suporte a elaboração de estudos prévios de instrumentos regulatórios aplicados à realidade local, visando medidas que incentivem a eficiência operacional e econômica, além da energética.

Vídeos das apresentações podem ser consultadas aqui.

Para mais informações contatar: arnd.helmke@giz.de.