Rádio Nacional tem edição especial sobre 8º Fórum Mundial da Água

459

O 8º Fórum Mundial da Água, que será realizado de 18 a 23 de março, em Brasília, foi tema de edição especial do programa Revista Brasil, da Rádio Nacional no último sábado (27). A 50 dias do evento, o programa foi transmitido de estúdio móvel montado às margens do Lago Paranoá, no Pontão do Lago Sul, pelos jornalistas Valter Lima e Estevão Damazio.

Entre os convidados estavam o diretor-executivo do Fórum, Ricardo Andrade, o co-presidente do comitê organizador do evento e diretor presidente da Adasa (Agência Reguladora de Águas, Energia e Saneamento Básico do DF), Paulo Salles, e o presidente da Caesb (Companhia de Saneamento Ambiental do DF), Maurício Ludovice.

Uma das novidades desta edição do Fórum Mundial da Água será a participação da população e do Poder Judiciário. “Está foi uma das condições para o Brasil sediar o Fórum”, explicou Ricardo Andrade. Para envolver o público ele acrescentou que será montada uma Vila Cidadã onde haverá uma mostra de cinema com exibições de longas e curta-metragem que tem a água como tema principal. A Vila também terá um mercado de soluções com estandes onde serão apresentadas soluções para o tema água. A programação para o público também se estenderá pela noite com várias apresentações culturais.

Brasília sediará o evento em meio a maior crise hídrica da sua história, o que, para o diretor-presidente da Agência Reguladora de Águas do Distrito Federal – ADASA, Paulo Salles, é muito bom para motivar a população a participar das discussões. A capital federal adotou o sistema de racionamento de água há pouco mais de um ano e, apesar do bom índice de chuva na região nos últimos meses, as autoridades disseram que só após o fim do período chuvoso será possível dizer se o Distrito Federal continuará ou não adotando as medidas.

O governador do Distrito Federal, Rodrigo Rollemberg, participou do debate por telefone e ressaltou que envolver a cidade na discussão sobre proteção às nascentes e garantia do uso eficiente água é muito importante para que haja um salto de qualidade na relação da cidade com a água.

Leia mais aqui.