ANCINE lança novo edital para desenvolvimento de projetos através do Programa Brasil de Todas as Telas

756

Chamada Pública Prodav 05/2016 investirá R$ 10 milhões em 70 projetos de obras e de formatos para cinema, TV e vídeo sob demanda

A Agência Nacional do Cinema – ANCINE e o  Banco Regional de Desenvolvimento do Extremo Sul – BRDE lançaram ontem, 27 de dezembro, a quarta edição da Chamada Pública PRODAV 05/2016, voltada para a seleção de propostas de desenvolvimento de projetos de obras audiovisuais seriadas e não seriadas de longa-metragem e de formatos de obra audiovisual. Esta Chamada tem como objetivo o investimento no desenvolvimento de 70 projetos no valor total de R$ 10 milhões do Fundo Setorial do Audiovisual – FSA.

Esta linha do Programa Brasil de Todas as Telas já investiu em 263 projetos desde a sua primeira edição, em 2013. Com investimentos na etapa de desenvolvimento, as produtoras brasileiras independentes ampliam sua capacidade de estruturação de seus projetos e de maturação de seus roteiros.

Cada proponente pode inscrever até duas propostas de desenvolvimento, que serão avaliadas de acordo com o potencial criativo do projeto, a qualificação técnica dos profissionais contratados e o histórico da empresa produtora brasileira independente proponente. É vedada a inscrição de projeto que já esteja em fase de produção. Também não serão aceitos projetos que tenham sido contemplados em linha de desenvolvimento do FSA e propostas contratadas ou inscritas em processo seletivo em curso nas chamadas públicas destinadas para Núcleos Criativos.

A distribuição dos recursos respeitará também os indutores regionais, destinando no mínimo 30% a propostas apresentadas por empresas sediadas nas regiões Norte, Nordeste ou Centro-Oeste; e no mínimo 10% para propostas apresentadas por empresas sediadas na região Sul, no Estado do Espírito Santo ou no Estado de Minas Gerais.

As inscrições iniciam-se no dia 28 de dezembro de 2016 e vão até dia 16 de fevereiro de 2017. Clique aqui para acessar o edital e seus anexos.

Saiba mais sobre o Programa Brasil de Todas as Telas

O Programa Brasil de Todas as Telas, lançado em julho de 2014, foi moldado para atuar na expansão do mercado e na universalização do acesso às obras audiovisuais brasileiras. Trata-se de uma ampla ação governamental que visa transformar o País em um centro relevante de produção e programação de conteúdos audiovisuais. Foi formulado pela ANCINE em parceria com o MinC, e com a colaboração do setor audiovisual por meio de seus representantes no Comitê Gestor do Fundo Setorial do Audiovisual – FSA.

Os resultados do Programa vêm superando as metas estabelecidas. Até outubro deste ano, foram 486 longas-metragens e 476 séries ou telefilmes apoiados. A aposta no investimento em desenvolvimento de projetos também foi bem-sucedida, rendendo a estruturação de 69 núcleos criativos em todas as regiões do país, e garantindo o desenvolvimento de 769 novos projetos de obras audiovisuais.

Em seu terceiro ano, o Programa Brasil de Todas as Telas garante a continuidade de uma política pública vigorosa para o audiovisual brasileiro. Para dar previsibilidade às suas ações de investimento, a ANCINE disponibilizou o  Calendário de Financiamento para o biênio 2016/2017, que traz as datas previstas para a abertura e divulgação de resultados das chamadas públicas do Programa.

Fonte: Ancine